Review da Garrafa CamelBak Podium Chill

Review da Garrafa CamelBak Podium Chill

Nesse review, vamos falar sobre a garrafa de hidratação CamelBak Podium Chill que é uma das três garrafas da linha Podium da CamelBak, as outras duas são Podium e Podium Ice. Sendo que a diferença entre elas está na capacidade de isolamento térmico.

Garrafa Podium Chill

Informações Técnicas

  • Capacidade: 710 ml
  • Peso: 122 g
  • Dimensões:  7,4 x 7,4 x 26,6 cm
  • Material: Polipropileno (garrafa) / silicone (bico)
  • Tratamento antimicrobiano
  • Livre de BPA, BPS e BPF
  • Indicada para mountain bike, cicloturismo, trekking, escalada e academia

Utilização / Teste CamelBak Podium Chill

A garrafa Podium Chill é voltada para quem deseja manter sua bebida fresca por mais tempo durante a prática de atividades físicas. Sua parede dupla de espuma garante um isolamento térmico, mantendo o líquido interno mais frio pelo dobro do tempo das garrafas convencionais.

Os materiais utilizados na sua construção foram pensados para garantir uma garrafa leve, durável e flexível. Ela possui um tratamento antimicrobiano com a tecnologia HydroGuardTM, essa tecnologia inibe a proliferação de fungos e bactérias no seu interior e não deixa gosto de plástico na água.

Seu design se adapta a quase todos os suportes de garrafas usados nas bicicletas e também se encaixa muito bem nos bolsos laterais das mochilas cargueiras.

Garrafa Podium Chill Camelbak

O bico conta com uma válvula auto vedante, o que elimina a necessidade de ter que puxar o bocal sempre que quiser beber, mesmo mantendo ela aberta, o líquido interno não irá derramar em condições normais a não ser que a garrafa seja apertada com força suficiente para abrir sua válvula. Ela também possui a opção de fechar a válvula por completo apenas girando seu bocal para a posição indicada, nesse caso mesmo sendo apertada não irá derramar.

A válvula auto vedante está associada a um sistema de alto fluxo, para beber, basta apertar a garrafa e obter um jato d’agua, mas apesar da garrafa ser flexível, quando a água está abaixo da metade é difícil apertar o suficiente para garantir esse alto fluxo de água, talvez quem tenha mais força nas mão consiga, mas para mãos pequenas não é tão fácil.

Isolamento Térmico na Prática

Para fazer um teste simples da capacidade de isolamento dela, em duas trilhas que fizemos, uma na montanha e outra na praia, enchi com água em casa a garrafa Podium Chill e garrafa Chute também da CamelBak, deixei ambas na geladeira durante a noite toda para iniciar as trilhas na manhã seguinte. Durante as trilhas, as garrafas foram levadas nos bolsos laterais da mochila, ficando quase todo tempo expostas ao sol e no decorrer do tempo realmente foi possível perceber a diferença de temperatura da água entre as duas garrafas. A CamelBak Podium Chill manteve a água fria por um período bem maior do que a garrafa sem isolamento, que logo já estava em temperatura ambiente e vamos combinar que beber uma água mais geladinha durante a trilha é muito bom.

Obviamente que com o passar do tempo a água da Podium Chill também ficou em temperatura ambiente, mas enquanto a água da Chute já estava praticamente quente, a Podium Chill ainda mantinha a água em uma temperatura agradável para ser bebida.

Pontos Positivos: As paredes duplas mantêm o líquido frio por mais tempo que as garrafas convencionais, todas as peças podem ser separadas para facilitar a limpeza, o sistema à prova de vazamento funciona muito bem e ela é muito leve

Pontos Negativos: Apesar da garrafa ser flexível e possuir o sistema de fluxo d’agua, quando ela não está completamente cheia, é preciso apertar com força para garantir esse fluxo e para quem tem as mãos pequenas como eu, pode sentir uma certa dificuldade em usa-la com uma mão só.

Gostou deste post?

Qualquer dúvida é só deixar um comentário abaixo ou entrar em contato. Até breve!

AuthorSheron Lopes

Nascida e criada entre a Serra da Mantiqueira e a Serra da Bocaina na cidade de Pindamonhangaba, formada em T.I., começou a praticar trekking incentivada pelo marido e acabou se apaixonando. Trilheira e mochileira, que hoje em dia ocupa boa parte das horas livres com musculação, trekking, pedaladas e planejamento das próximas viagens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *