Filme “A Trilha da Vida”

Filme “A Trilha da Vida”

Você já assistiu ao filme “A Trilha da Vida”? Se a sua resposta foi “não”, saiba que ainda dá tempo! O filme está disponível para exibição gratuita no Rocky Spirit 2021 e na Mostra de Filmes de Montanha.

Para alguns casais a chegada de um filho marca o começo de uma fase caseira e urbana, colocando uma vírgula ou até mesmo um ponto final na rotina de aventuras e viagens que aquele casal costumava ter. Por outro lado, algumas pessoas enxergam esse momento como uma oportunidade. Uma chance para mostrar para aquela criança a imensidão do nosso mundo e proporcionar a ela um contato com a natureza que será importante para o seu desenvolvimento social, emocional e cognitivo.

Esse é o foco do curta metragem nacional “A Trilha da Vida“. Neste filme, o casal Marcela Tenório e Fernando Barros fala sobre a experiência deles em trilhar e viajar com a pequena Gabi.

Filme A Trilha da Vida

Uma festa de aniversário diferente

Para comemorar o aniversário de 1 ano da Gabi essa família fez uma festa diferente, digamos assim. Nada de docinhos, bolo, salgadinhos ou aqueles personagens de desenho animado tão comuns nas festinhas infantis. Eles optaram por fazer uma travessia de 54 quilômetros na Patagônia Chilena com a Gabi, afinal ela era a aniversariante!

Foram 4 dias de caminhada, acampamentos, cochilos e brincadeiras ao longo da trilha conhecida como Villarrica Traverse. Uma experiência de imersão na natureza e de reflexão sobre o primeiro ano de vida da Gabi.

O documentário é uma jornada para inspirar famílias a aproximarem seus filhos da natureza e de si próprios. Ele aborda de uma forma lúdica a importância e os benefícios de conectar as crianças com os espaços naturais desde pequenos, mostrando que o ambiente outdoor também é lugar de criança.

Podemos dizer que a Gabi com certeza curtiu a festa de aniversário dela, confira o trailer:

Assista ao filme “A Trilha da Vida”

Para assistir gratuitamente basta acessar o site do Rocky Spirit 2021 ou da Mostra de Filmes de Montanha. Mas fique atento para as datas de encerramento dos festivais. O Rocky Spirit exibirá os filmes até 03/10/2021. Já a Mostra de Filmes de Montanha ficará disponível até 26/09/2021.

Mini entrevista com a Marcela Tenório e o Fernando Barros

Veja o que o Fernando e a Marcela têm a dizer sobre as experiências com a Gabi durante as viagens e trilhas. E descubra como eles podem te ajudar a curtir a natureza junto com a sua família!

Gear Tips – Muitas famílias param as atividades outdoor e viagens quando uma criança nasce. Isso chegou a passar pelas cabeças de vocês ou desde a gravidez vocês já planejavam as trilhas e viagens com a Gabi?

Fernando – Passamos meses da gestação da Gabi viajando pela América do Sul e fizemos muitos trekkings. A Má levou a Gabi em trekking lindos enquanto ela estava na barriga. Fomos a El Chalten, Torres Del Paine, Atacama, Bolívia e etc. Então nós nunca nos sentimos privados ou impedidos de fazer algo por conta da chegada dela em nossas vidas.

Não projetávamos muito fazer trekking ou aventuras com ela, deixamos rolar, sabendo que aconteceria com naturalidade essa inclusão da Gabi nas aventuras, mas sem pressa, e assim aconteceu, no nosso tempo. Com 53 dias nos sentimos a vontade para irmos com ela.

Fernando Barros e Gabi
Fernando e Gabi, pai e filha curtindo a caminhada

Gear Tips – Quais foram as mudanças e adaptações que vocês tiveram que fazer na rotina das trilhas e viagens quando a Gabi começou a acompanhar vocês?

Fernando – A primeira adaptação foi no tipo de trilha. Eu estava em uma fase mais focada em alta montanha e com a Gabi nós voltamos para trekking sem altitude ou extremos. As outras adaptações foram em equipamentos (uso de cangurus e kid carrier e itens específicos para bebês), necessidade de um planejamento muito mais rigoroso principalmente no que diz respeito ao clima e coisas assim.

Gear Tips – Crianças pequenas estão sempre observando e interagindo com o espaço e com as pessoas ao redor delas. Esse processo natural é parte importante do desenvolvimento de uma criança. Na percepção de vocês, as viagens da família e o contato com a natureza impactaram nesse processo de aprendizado da Gabi?

Fernando – Impactam muito! São inúmeros os benefícios. Tem as questões físicas como: equilíbrio, coordenação motora, visão e audição que esses estímulos naturais (não os da televisão) dão.

Por exemplo: uma criança que só vê telas não exercita a córnea pois não tem profundidade de planos, na natureza ela busca o olhar o tempo todo em vários planos e distâncias diferentes.

Questões emocionais como: auto confiança, sensação de conquista, de liberdade e autonomia. Tem também o impacto no sistema imunológico, uma pesquisa da cientista Ming Kuo fala sobre muitos ganhos, o trecho sobre o sistema imunológico é muito interessante:

“A natureza não tem só um ou dois ingredientes ativos. Ela é mais como um complexo multivitamínico, que nos dá todos os tipos de nutrientes que precisamos. É assim que a natureza nos protege desses diferentes tipos de doenças – cardiovasculares, respiratórias, mentais, musculares, etc – simultaneamente”. Leia mais em: natureza fortalece o sistema imunológico.

Além de tudo isso, não posso deixar de citar a relação com a natureza e seus recursos, poder tocar uma árvore, a terra, som dos animais, sentir o vento, frio ou calor. Beber água de nascentes e entender todo o valor que a natureza tem para suprir nossas necessidades, coisas assim com certeza fazem com que a Gabi se sinta pertencente à natureza, e ensinam ela a respeitar e proteger essa natureza.

Gabi explorando o terreno durante a travessia na Patagônia
Gabi explorando o terreno durante a travessia na Patagônia

Gear Tips – Com certeza existem casais que lerão este texto e que irão debater sobre levar, ou não, os filhos deles para as viagens e trilhas. O que você e o Fernando podem dizer aos pais que estão inseguros com essa decisão?

Marcela – O que você mais precisa para levar seu filho em trilhas é se sentir confortável para isso. Então meu maior conselho é: comece do básico, mesmo que você tenha experiência. Trilhas sem grandes desafios físicos e de terreno, sem condições climáticas extremas, etc. Vá sentindo como vocês se relacionam com a natureza em conjunto com esse novo membro da família.

Confie no que a natureza pode oferecer, pesquise sobre os benefícios, se informe porque isso vai te dar a clareza necessária sobre o que essa experiência pode trazer para vocês tanto fisicamente (pensando na saúde), quanto em relação ao desenvolvimento do seu filho e da sua vida em família.

Penso que esse tipo de atividade, além de todos os benefícios citados, traz uma união muito grande.

Gabi e a mãe Marcela Tenório
Gabi comemorando com a mãe a chegada delas no acampamento durante a Travessia Ruy Braga

Gear Tips – Onde nós podemos acompanhar as aventuras dessa família?

Marcela – Contem conosco! Em nossos perfis nas redes sociais, e no nosso blog, temos muitos conteúdos e dicas relevantes que podem te trazer mais segurança para começar a curtir a natureza com um bebê! Também oferecemos informações sobre checklists, equipamentos necessários para começar, o que usamos, lugares para ir… Sigam os nossos perfis no Instagram: Marcela Tenório e Fernando Barros.

No nosso canal no Youtube, compartilhamos um pouco do que já vivemos com ela. A intenção do canal também é gerar curiosidade nos pequenos que já assistem televisão, recomendamos mostrar vídeos de outras crianças em trilhas e no Kid Carrier para que o bebê/criança se identifique com a Gabi e tenha curiosidade para viver essa experiência também.

Ainda precisa de mais para começar? Temos disponível um Ebook que é um guia de trekking com bebês e crianças, com informações e dicas precisas e detalhadas sobre o que é necessário e como de fato começar.

Não se sente confiante para ir sozinho? Vamos juntos! Temos um projeto de trekking com famílias e estamos levando grupos conosco, as informações sobre os pacotes estão no nosso blog.

E tem mais uma novidade! Em breve vocês poderão acompanhar as nossas dicas aqui no Gear Tips também! Fiquem de olho no site.

Gabi, Fernando e Marcela - Filme a Trilha da Vida
Gabi, Fernando e Marcela durante a travessia Marins x Itaguaré (Foto: Samuel Oscar / Drone da Montanha)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *